A Herança do Trauma: as feridas da infância

Como as experiências vividas na infância podem
gerar adultos inseguros

Aprenda a identificar, escolher a abordagem adequada
e como tratar esses traumas

O Trauma do Desenvolvimento

“Traumas são como um tremor na alma… Assim, os traumas podem bloquear o caminho evolutivo da criança e o seu potencial biográfico, conduzindo a um ‘sofrimento pela vida sem sentido”.
Bernd Ruf

O que você vai aprender no curso:

• Como adquirir recursos que favorecem a dinâmica relacional em situações de abuso e violência
• Desenvolver uma compreensão do fenômeno traumático pela neurobiologia interpessoal
• Ativar recursos que possibilitem:

Experimentar o modelo da SMS – Somatic Memory Systems – no tratamento do trauma precoce

Recursos para trabalhar com a regulação afetiva

Recursos clínicos no tratamento do trauma na clínica infantil

Conheça o corpo docente

Ana Patrícia Peixoto – CRP-17/0092

• Psicoterapeuta, Psicóloga, Especialista em Trauma e Diretora do IPS -Natal/RN. Coordenadora da Formação Internacional em Psicoterapia Biossistêmica e da Especialização em Trauma pelo método Somatic-Memory-Systems;

 Psicóloga, Psicoterapeuta Biossistêmica (IPS-Natal/Br – SISPB-Bologna/It) – certificado reconhecido pela Federação Latino-Americana de Psicoterapia; Especialização em trauma somatic-memory-systems;• Formação em Análise Bioenergética (IIBA-Nova York-EUA) e Biossíntese (CBI-Hiden-Suiça). Atua em clínica privada desde 1985. Local Trainer em Biossistêmica; Supervisora em terapia psicocorporal desde 1996;

• Coordena workshop na área clínica e educacional. Diretora da DIÁLOGOS/DIALOGHI: revista Ítalobrasileira de Psicoterapia e Biossistêmica. Diretora afiliação da ABRAP.


ANA TEREZA COELHO – C.PS.P nº 35729

• Psicóloga e Psicoterapeuta biossistêmica (IPS-Natal/Br – SISPB-Bologna/It);• Especialista em Trauma pelo método somatic-memory-systems;
• Tradutora do IPS na Formação Internacional em Trauma – Método Somatic-Memory-Systems;
• Atua como psicóloga clínica há 10 anos, atualmente é sócia-fundadora do Espacio Vida – Psicología y  Psicoterapia en Lima, Peru.


Este curso aborda, como as experiências adversas na infância, influenciam o desenvolvimento físico, mental, cerebral, e emocional de uma pessoa. A cada módulo será apresentado, os estudos mais recentes para entender os efeitos do trauma na infância, seu reflexo na vida adulta, e as melhores ferramentas para abordar esse tipo de demanda, que você pode adaptar a sua abordagem terapêutica.

Fundamentado nos estudos sobre a psicodinâmica e neurobiologia do apego e trauma, através dos estudos de Dr. Daniel Siegel, Dr. Bruce Perry, Dr. Bessel Van der Kolk, Dra. Nadine Harris, Dr. Laurence Heller, entre outros, esta leitura do tema, se dará pela perspectiva da Biossistêmica, e da SMS no trabalho com criança e adulto.

A sua jornada de aprendizagem está dividido em 6 módulos.

Além de aprimorar sua prática profissional você vai aprender as melhores estratégias para lidar com os traumas na infância, e com sua  manifestação na vida adulta.

Para quem é o curso: 

Psicólogo(a), psicoterapeuta, terapeuta, ou quem trabalha nos órgãos de proteção e acolhimento a violência infantil, no sistema judiciário (vara de família, vara da infância) e deseja aproveitar essa oportunidade de ampliar e aprofundar o conhecimento nessa temática.

Módulos do curso 

24/08
1. Como o trauma afeta o cérebro em desenvolvimento

O cérebro em desenvolvimento de uma criança necessita de experiências em um ambiente que facilite o seu desenvolvimento. Quando experiências vividas são marcadas por estresse, negligência, maus-tratos e abusos, o desenvolvimento psicoemocional é afetado de maneira global.

  • Como se desenvolve o cérebro da criança
  • Modelo Neurosequencial de Bruce Perry
  • A neurociência por trás do trauma e das relações de apego
  • Como o trauma impacta o desenvolvimento infantil

31/08
2. O código neural do apego

As experiências relacionais formam o código neural do amor que vão preparar o campo organizacional da vida psíquica. Ao longo do desenvolvimento biopsicossocial, desde a vida uterina, situações de estresse provocam um grande impacto no processo formativo, podendo refletir de diferentes formas na vida psíquica. Isto significa que os fatores psicológicos, como o estilo de apego, modulam a resposta de estresse que se reflete no comportamento afetivo ao longo da vida.

  • Neurociência do Apego
  • Relação entre apego e trauma
  • Refém de relações disfuncionais

07/09
3. O ciclo do estresse tóxico: trauma transgeracional e epigenética

Desde muito pequenas as crianças sentem, observam, pensam e aprendem sobre tudo o que está à sua volta. O desenvolvimento sensório-motor é fortemente influenciado pela qualidade dos afetos experimentados pelas crianças. Ou seja, as experiências vividas podem resultar em facilidades ou dificuldades em lidar com as emoções.

A comunicação colaborativa com um adulto permite que elas comuniquem sobre o mundo que as rodeia e possam sentir-se acompanhadas e capazes de entender o que se passa em seu mundo interno.

  • Os 7 sistemas emocionais
  • Estresse na infância

14/09
4. O poder das experiências infantis no comportamento adulto:

Desde muito pequenas as crianças sentem, observam, pensam e aprendem sobre tudo o que está à sua volta. O desenvolvimento sensório-motor é fortemente influenciado pela qualidade dos afetos experimentados pelas crianças. Ou seja, as experiências vividas podem resultar em facilidades ou dificuldades em lidar com as emoções em seu mundo interno e nas relações com o outro.

Entender o sistema de memórias permite ao clinico compreender os fenômenos que se apresentam à sua frente que não tem uma linguagem verbal e nem uma narrativa consciente, seja para construir uma hipótese terapêutica eficaz na utilização de  recursos que possam ajudar no tratamento efetivo dos sintomas ou psicopatologias que se apresentam como respostas da experiência traumática na vida adulta..

  • Os sistemas de memória
  • Como se formam os padrões emocionais
  • Padrões sensoriomotores
  • Da historia simbólica à história encarnada

21/09
5. Teoria Polivagal e o cérebro em desenvolvimento

Através da Teoria Polivagal podemos entender como o sentido interno de segurança e perigo influenciam as emoções e comportamentos de uma pessoa. Nesse módulo, você vai aprender como o sistema nervoso regula constantemente a resposta do corpo ao estresse e como o trauma gera respostas adaptativas como forma de proteção às situações adversas. Explicamos como conexão e neurocepção de segurança – presente nas relações de apego seguro – são essenciais para o desenvolvimento de uma criança e como a ausência dessas condições afeta a infância e vida adulta.

  • Teoria polivagal e trauma na infancia
  • Como as relações seguras configuram o cérebro infantil
  • Como as primeiras experiencias de vida afetam a neurocepção
  • Como os profissionais podem fortalecer o sistema de segurança dos seus clientes

28/09
6. O poder das relações seguras: a base para a regulação emocional

O trauma leva a perda da segurança e confiança em si e no outro aliado a uma sensação interna de perda de domínio sobre as sensações e os pensamentos. Então, necessita de uma abordagem terapeuta relacional que olhe de forma sistêmica e que trabalhe a relação como um recurso terapêutico que possibilita o (re)encontro seguro consigo mesmo, onde a pessoa volta a sentir que é “dona de si mesma, que tem o controle de sua vida”. 

A comunicação colaborativa permite que se comunique sobre o mundo que nos rodeia e sentirmos acompanhados e capazes de entender o que se passa em nosso mundo interno. Ter esse experiência relacional positiva faz a diferença na resposta de uma pessoa ao estrese.

  • Uma terapia relacional: sintonização, empatia e ressonância corporal
  • Neurocepção de segurança e a comunicação colaborativa/não violenta
  • Grounding relacional e a Co-regulação
  • Possibilidades e limites da terapia online
  • Da dissociação à integração

As aulas terão duração de duas horas e meia, começando às 19:30 horas

Investimento (parcelado no PagSeguro -aperte no ícone abaixo para acessar)

Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Valor do curso em até 2 pagamentos……………………………………………………R$ 625,00
(Duas parcelas de R$ 328,94)                                                            

Investimento à Vista:
Pagamento a Vista (PIX)………………………………………………………………………………..R$ 597,00
Pagamento a vista (PIX até 11/08)………………………………………………………………..R$ 497,00

O valor do curso parcelado, foi calculado para parcelamento em duas vezes, no entanto, você poderá fazer em até 6 pagamentos, arcando com o aumento de custos financeiros.

Os pagamentos a vista deverão ser efetuados via Pix.
Chave Pix: ips@ips.natal.br
A validação do pagamento deverá ser feia com o envio do comprovante, por e-mail, ou pelo whatsapp do IPS.

Certificado

Ao fim do curso será emitido certificado.

Quer saber mais?

Fale com o IPS no WhatsApp

Sobre o IPS

Visite o nosso site e conheça mais sobre o Instituto de Psicologia Somática!  
Conheça o IPS

Horários de funcionamento

Segunda à sexta-feira das 8:00 às 12:00 e das 14:00 às 18:00 horas| Sábado: 8:00 ás 11:00 horas

Onde estamos?

A clínica do IPS está situada na rua Dr. Aurino Fernandes, 83 – Lagoa Nova, Natal – RN, 59054-785

CNPJ: 07.804.845/0001-89

Será enviado aos alunos um contrato de direito de uso de imagem. Embora não usemos as imagens na gravação, a voz dos alunos que interagem durante as aulas, juridicamente, tem força de imagem.

Na aula aberta de introdução à Herança do Trauma: As Feridas da Infância, serão abordados os princípios do trauma no desenvolvimento infantil, e como as relações familiares e experiências adversas têm influência, no trauma individual e transgeracional.

PARA SE INSCREVER NA AULA ABERTA, GRATUITAMENTE, ACESSE AQUI